terça-feira, 17 de julho de 2007

Questão de gostos...

Já repararam que nos casamentos, os penteados mais elaborados e as toilettes para os mais chiques estão normalmente nas gajas mais feias? Quer dizer, já é suficientemente estúpido passar 3 horas numa cabeleireira para ela faer um penteado todo XPTO que no fundo não é mais do que cabelo atado, cheio de gel, brilhantes e com umas madeixas a de cada lado da testa com uma suave ondulação... viram, até eu sei como fica, para quê darem-se a esse trabalho?
A única diferença entre penteados vai residir na parafernália de porcarias coloridas e que deverão condizer com a roupa, claro está. Roupa essa que é sempre um vestido, comprido, com um decote - mais ou menos pronunciado conforme o nível de desespero- com uma côr "pastel" (se me dessem pastéis assim de certeza que não os comia) mas suficientemente forte para não passar despercebida (no caso do decote falhar) e com uma echarpe pelos ombros, não vá estar frio de rachar no mês de Agosto!

É verdade, ainda no Sábado pude constatar isso pela N-ésima vez. Raramente falha, parece uma equação tipo: "a soma dos quadrados dos catetos = quadrado da hipotenusa" no teorema de Pitágoras, só que fica "penteado estúpido + vestido pindérico = gaja feia num casamento"...

Após muito reflectir sobre isto consegui elaborar algumas ideias, que claro tenho de partilhar, para ver se alguém concorda comigo nisto.

Ponto 1- As gajas boas, e que sabem que são boas, nem sempre são burras e já perceberam que o tempo perdido num cabeleireiro é bem melhor passado numa festa na noite anterior ao casamento, a espalhar charme e deixar os gajos pelo beicinho... haverá melhor tratamento de beleza do que sentir-se simplesmente deslumbrante?

Ponto 2- Por muito mau que seja o trapo, numa gaja boa será sempre "Haute Couture" e se ela aparecer com aquele ar de quem acabou de se levantar e vestiu a primeira coisa que apanhou deixa os gajos a pensar: "Era assim que gostava de a ver todos os dias, acabada de levantar da minha cama". Infalível... e apetecível...

Por isso meninas, se de cada vez que vos convidam para um casamento as primeiras coisas em que pensam são o penteado e o vestido... bem não vos quero desiludir mas... talvez haja qualquer coisa de errado convosco.

3 comentários:

Anónimo disse...

pois a minha analise e 1 pc diferente...apesar d se constatar essas afirmaçoes feitas pelo nosso forneiro, eu tenh mais alguma teorias.Estas merdas e td 1 jogo entre elas, pa ver kem tem o penteado com mais gel, ou o vestido k deixa mostrar mais mas sem parecer 1 galderia(redundante n e??as gajas sao assim!)o k vale e k nos levamos os casamentos a seria, ou seja buer e comer ate rebentar pelas costuras!!!lol cumprimentos do esfrega

Pedro disse...

Num casamento onde fui há uns tempos atrás, ouvi esta frase, uma verdadeira maravilha da sabedoria popularucha e que traduz a verdadeira visão masculina da moda e dos penteados e afins:
"Sabes onde é que esse vestido ficava bem? Ao pé da minha cama, no chão, todo amarrotado..."
Acho que tá tudo dito.

kspy disse...

casamentos... casamentos...

quando um gajo começa a ir a casamentos de pessoal mais novo que nos proprios começa ser preocupante...

ja agora... por que raio é que os casamentos tem de ser em agosto?! Os emigras têm mesmo de estar presentes na boa? Forneiro acho que devias falar sobre esta raça que são os "avecs"! Os seus habitos, os seus carros brutais, os seus dotes ao volante, a sua veia poliglota...